Copa América 2019

O Brasil volta a ser sede da principal e mais antiga competição entre seleções do planeta, a Copa América. Entre os dias 14 de junho e 7 de julho, o país receberá 46ª edição do torneio Copa América Conmebol, que reúne as melhores seleções do continente Americano e convidados. Ao todo serão disputados 26 partidas para se definir o país campeão. E estaremos ligados para lhe informar as casas de apostas com bonus freebet para este campeonato.
 

As 10 casas mais tops para você apostar na Copa América 2019

Damos uma prévia das casas de apostas favoritas para você palpitar na Copa América. São sites de apostas confiáveis, seguros e analisados pelos nossos especialistas que garantem ótimas probabilidades em apostas de futebol. Certamente você poderá decidir onde dar o seu palpite a qualquer hora a partir de agora e também durante a competição com o app casas de apostas que lhe oferece os melhores aplicativos para acompanhar ao vivo esta Copa que é a maior das Américas!

Essa será também a oportunidade para os brasileiros matarem a saudade de acompanhar, in-loco, uma grande competição esportiva, afinal o país sediou recentemente a Copa das Confederações, em 2013, a Copa do Mundo, em 2014, e a Olimpíada do Rio, em 2016. Curiosamente, era para o Brasil ter sediado a Copa América de 2015, mas devido à organização de outros eventos esportivos no país, como citamos no parágrafo anterior, o país trocou de edição com o Chile, que sediou o evento em 2015.

E com os bookmakers copa américa você têm muitas opções para você ganhar bônus! E não só com a Copa América os brasileiros estarão de olho na bola em 2019, a bola não para com os campeonatos estaduais, bônus série A Brasil e série B, Libertadores, Copa Sul Americana, e claro para os amantes do futebol Europeu os melhores jogadores brasileiros também estão no campo!
 

copa américa grupos estádios bônus de apostas

Com a copa américa tabela de jogos você descobrirá em tempo real como ficam os jogos e as seleções que avançam.

Grupos, Cidades-sedes, Estádios e Participantes

No sorteio realizado no dia 24 de janeiro, foram definidos os três grupos da Copa América de 2019. Foram sorteadas em grupos de quatro seleções cada, onde todos se enfrentam em jogo único. Os dois melhores de cada grupo se garantem nas quartas de finais, assim como as duas melhores terceiras colocadas.

Nas quartas de final, iniciam os jogos eliminatórios, que se empatados, vão para a prorrogação e posteriormente para os pênaltis. Dono da casa, o Brasil, é o cabeça de chave número 1 da competição. A Argentina é o cabeça de chave número 2 enquanto o Uruguai foi o cabeça de chave número 3.

Em 14 de junho de 2018, a CBF anunciou quais as cinco cidades-sedes da Copa América que irão receber os jogos: Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre. Todas as cidades foram sedes da Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de Verão de 2016, e possuem estádios em padrão internacional.

Na lista final, divulgada em 17 de setembro, definiu-se que São Paulo terá duas sedes, a Arena Corinthians e o Estádio do Morumbi, que não participou a Copa do Mundo do Brasil, assim como a Arena do Grêmio. Também foi definido que a partida de abertura da Copa América, será em São Paulo, no Morumbi. As semifinais serão disputadas em Belo Horizonte e Porto Alegre, e a final será no Maracanã.

 
🇦🇷Argentina🇦🇷
Desesperada para voltar a conquistar um título a seleção argentina talvez seja a que virá com a maior gana para conquistar a Copa América. Porém os problemas políticos enfrentados pela Federação Argentina de Futebol (AFA), pode ser um complicador para a seleção, principalmente no clima do grupo. Lionel Messi, Dybala, Aguero e companhia deverão estar presentes no torneio. De quebra o fato de poder ganhar um título dentro do Brasil é outro fator que motiva os Hermanos.
 
🇧🇴Bolívia🇧🇴
Considerado um dos países mais fracos do continente, a Bolívia entre na competição como azarão. Mas, como caiu no Grupo do Brasil, pode aprontar e quem sabe chegar nas quartas de final.
 
🇧🇷Brasil🇧🇷
A seleção brasileira não medirá esforços para conquistar o título sul-americano jogando em seu país e, de quebra, manter a escrita de sempre ter vencido a competição quando sediou. Além do fator casa, o futebol brasileiro precisa apagar o vexame sofrido na Copa do Mundo do Brasil, em 2014, quando foi goleado pela Alemanha, em pleno Mineirão, por 7 a 1, na semifinal, e depois por 3 a 0, para a Holanda, na disputa de terceiro lugar. Com o técnico Tite dependendo da conquista para se manter no cargo, o Brasil também irá com força máxima na competição.
 
🇶🇦Catar🇶🇦
Com uma grande atuação na Copa da Ásia, a seleção do Catar foi convidada para a Copa América por ser a próxima sede da Copa do Mundo de 2022. Por isso, a seleção utilizará a competição como um teste de força e de preparação para o Mundial de daqui três anos.
 
🇨🇱Chile🇨🇱
Atual bicampeão consecutivo da Copa América, o Chile chega a competição de 2019 com um time envelhecido, mas que ainda conta com grandes jogadores, como Cláudio Bravo, Arturo Vidal e Alexis Sanchez. Comandada por Antonio Pizzi, a Roja, quer provar que ter ficado de fora da última Copa do Mundo, foi apenas um acidente.
 
🇨🇴Colômbia🇨🇴
Considerada por muitos a seleção sul-americana com o futebol mais bonito de se assistir nas últimas duas últimas edições de Copas do Mundo, a Colômbia quer o título da Copa América para provar que além de vistoso, o time sabe jogar um futebol competitivo. James Rodríguez é de longe a principal estrela da seleção colombiana, que também conta com Radamel Falcao Garcia, Juan Cuadrado e Yerri Mina.
 
🇪🇨Equador🇪🇨
A seleção que chegou a liderar as últimas eliminatórias, mas ficou de fora da Copa do Mundo da Rússia, quer recuperar a boa fase, mas como caiu no grupo mais equilibrado da Copa América, com Uruguai, Chile e Japão, terá que surpreender para se classificar para as quartas de final.
 
🇯🇵Japão🇯🇵 Principal potência do futebol asiático, o Japão disputará a Copa América como convidado e promete surpreender muita gente. O time sempre veloz e muito obediente taticamente deverá ter em Kagawa sua principal estrela.
 
🇵🇾Paraguai🇵🇾
Há muitos anos o Paraguai não incomoda as principais seleções da América do Sul, porém o país tem como seus principais jogadores hoje, os irmãos gêmeos Angel e Óscar Romero. De cara os paraguaios ainda caíram no grupo da morte, que tem Argentina e Colômbia como as principais forças e um surpreendente Catar, que irá utilizar a competição como preparatório para a Copa do Mundo de 2022.
 
🇵🇪Peru🇵🇪
Última seleção a ser sorteada no Grupo do Brasil, o Peru é também a segunda força do grupo. Empolgada por sua participação na Copa do Mundo da Rússia, a seleção peruana, quer surpreender.
 
🇺🇾Uruguai🇺🇾
Após uma grande campanha na Copa do Mundo da Rússia, o Uruguai voltou a ser temido e com isso, o país que é o maior campeão sul-americano da história, espera voltar a conquistar o continente. Para isso, a celeste olímpica terá, a sua disposição, nomes como Luis Suárez, Edinson Cavani, Arrascaeta, Godín, entre outros. Com um time desse, é impossível não colocar o Uruguai entre os favoritos ao título da competição.
 
🇻🇪Venezuela🇻🇪
Em franca evolução nos últimos anos, a Venezuela quer mostrar que segue melhorando seu futebol. No Grupo do Brasil, Peru e Bolívia, a Venezuela pode ser considerada a terceira força.
 

Grupos Seleções
Grupo A – FAVORITO: 🇧🇷 🇧🇷 Brasil – 🇻🇪 Venezuela – 🇧🇴 Bolívia – 🇵🇪 Peru
Grupo B – FAVORITO: 🇦🇷 🇦🇷 Argentina – 🇵🇾 Paraguai – 🇨🇴 Colômbia – 🇶🇦 Catar
Grupo C – FAVORITOS: 🇺🇾 🇨🇱 🇺🇾 Uruguai – 🇯🇵 Japão – 🇪🇨 Equador – 🇨🇱 Chile

 

Conheça também a história da Copa América

Apesar de ter essa nomenclatura atualmente, a Copa América só passou a ser chamada assim em 1975. Até aquele ano, o torneio era disputado sob a alcunha de Campeonato Sul-Americano de Futebol e só reunia seleções filiadas à Conmebol.

Disputada pela primeira vez em 1916, a competição é o torneio internacional de futebol entre seleções mais antigo do planeta e foi criada para definir o campeão continental da América do Sul. Porém, desde a década de 1990, seleções de países da América do Norte e até mesmo da Ásia já foram convidadas a participar do torneio, como são os casos de Catar e Japão, na edição deste ano.

Além disso, desde 1993, o torneio passou a ser disputado com 12 seleções, sendo todas as 10 equipes da Conmebol e duas equipes adicionais de outras confederações. A única vez que esse modelo de competição não foi seguido, foi na edição de 2016, quando se realizou um torneio em comemoração pelo centenário: a Copa América Centenário, que contou com a participação de dezesseis países, sendo seis filiados à Concacaf, além das 10 da Conmebol.

Participantes

Além dos 10 países que sempre disputam a Copa América, já disputaram a competição, como convidados: Costa Rica, Haiti, Honduras, Jamaica, Japão, México, Panamá e Estados Unidos. Neste ano de 2019, o Catar fará sua primeira participação no torneio.

Desses países, o México é quem mais vezes jogou a Copa América, tento participado de todos os torneios desde 1993. E é do país as duas melhores campanhas de seleções que não são filiadas à Conmebol, os vice-campeonatos em 1993 e 2001. Já os Estados Unidos são o único país de fora da Conmebol que sediou o torneio.

Sedes

Apesar de ser o país com mais títulos de Copa do Mundo da América do Sul, o Brasil nunca foi o principal país no que diz respeito a sediar a competição. Até hoje o país só recebeu a competição em quatro oportunidades: 1919, 1922, 1949 e a mais recente em 1989. Porém, o país foi campeão todas essas vezes. Será que este ano a história irá se repetir agora em 2019? Bom indício para se observar na hora de fazer sua aposta com nossa indicação nos bonus de casas de apostas.

Em questão de sediar a Copa América, nenhum país recebeu mais a competição continental que a Argentina, nossos Hermanos já organizaram o torneio em seu país, por nova oportunidades: 1916, 1921, 1925, 1929, 1937, 1946, 1959, 1987 e 2011. Chile e Uruguai, foram sedes sete vezes cada, enquanto o Peru recebeu a disputa seis vezes. Equador (3), Bolívia (2), Paraguai (1), Colômbia (1), Venezuela (1) e Estados Unidos (1), completam a lista. Além disso, os torneios de 1975, 1979 e 1983 foram disputados em vários países simultaneamente.

Campeões

Apesar de Brasil, Argentina e Uruguai serem historicamente as principais seleções da América do Sul, muito por conta de serem os únicos países do continente a terem sido campeões mundiais, na Copa América, a disputa não se limita as três nações. Das dez seleções da Conmebol, nada menos que oito já venceram o torneio pelo menos uma vez em suas 45 edições anteriores, apenas Equador e Venezuela nunca conquistaram o título continental. Descubra mais sobre os favoritos copa américa para levar o título 2019 e aposte já!

Entre os países campeões estão:

  • Uruguai 🇺🇾 – 15 títulos
  • Argentina 🇦🇷 – 14 títulos
  • Brasil 🇧🇷 – 8 títulos
  • Chile 🇨🇱 – 2 títulos
  • Paraguai 🇵🇾 – 2 títulos
  • Peru 🇵🇪 – 2 títulos
  • Colômbia 🇨🇴 – 1 título
  • Bolívia 🇧🇴 – 1 título

Última Edição – 2016

A última edição da Copa América aconteceu em 2016 e foi um torneio comemorativo pelos 100 anos da competição. Sediada nos Estados Unidos, a Copa América Centenário foi realizada entre os dias 3 e 26 de junho de 2016 e contou, pela primeira vez, com dezesseis seleções na disputa.

Participaram daquele torneio Estados Unidos, México, Costa Rica, Jamaica, Panamá, Haiti, Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Colômbia, Peru, Paraguai, Uruguai, Equador e Venezuela. De quebra, este foi o primeiro torneio que uniu as Américas desde o Campeonato Pan-Americano de Futebol, disputado em 1952, 1956 e 1960.

E o título da competição foi conquistado pelo Chile, que em uma reedição da final do torneio anterior, que tinha sido disputado no ano anterior (2015), o Chile derrotou a Argentina novamente na decisão por pênaltis por 4 a 2, após empate em 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação, conquistando seu segundo título e de forma consecutiva.

Não perca mais tempo e inicie suas apostas e descubra as reais chances de ganho Copa América!!!